MÚSICA AMBIENTE PERSONALIZADA: MELHORE A EXPERIÊNCIA DE CONSUMO  - Tecla Music Agency
VOLTAR

MÚSICA AMBIENTE PERSONALIZADA: MELHORE A EXPERIÊNCIA DE CONSUMO 

Vamos combinar, tá cada vez mais difícil atrair a atenção do público. O excesso de tecnologia mantém todo mundo conectado – e ao mesmo tempo desconectado da vida real. 

Por isso, quando um cliente chega no físico, a busca é mais que por uma compra ou serviço. Só esse lugar dá a sensação (na pele) da essência (ou branding) da marca!

Sem segredinhos aqui: a vivência física está cada vez mais importante pra conexão, fidelização e experiência entre marcas e pessoas. Consequentemente, ela gera melhor posicionamento nos negócios e magnetismo no consumo.

MÚSICA NA ESTRATÉGIA

Quer acompanhar essas necessidades? Uma forma eficaz é investir em brand experience – nesse sentido, o music branding ganha função primordial na climatização do ambiente. A música preenche o vazio do silêncio, torna qualquer lugar mais convidativo e dá ao cliente boas sensações durante a compra. 

Aqui, vale ressaltar que 50% dos consumidores dizem sair do local quando não gostam da música, segundo o Immedia PLC. Se você quer atrair, manter ou se aproximar dos consumidores, sua marca certamente precisa aumentar o volume! 

Então, já, pega esse passo a passo para criar a música ambiente personalizada:   

_Busque entender a sua identidade sonora, que deve ser  alinhada ao branding e público do business 

_Monte uma trilha com tempo suficiente e que transmita as sensações desejadas

_Converse, treine e instrua seu time sobre a importância dessa implementação 

_Leve sua marca sonora para o streaming e fortaleça a conexão através da música com o público  

_Aproveite o ambiente digital para apresentar seu som e eleve as boas ondas!

Precisa de ajuda para fazer esse barulho? Por aqui, gerenciamos o music branding e oferecemos serviços de rádio indoor com um player exclusivo, automatizado e leve! Clica aqui para ver mais 😉

FICA LIGADE! 

No Brasil, em média 54,7% do tempo é gasto em frente às telas, equivalente a 9h e 13 minutos. Desse período, cerca de 3h e 37 minutos são dedicados às redes sociais. Os dados de 2024 do Electronics Hub mostram que a nossa população já ocupa o segundo lugar no uso de telas. 

Em meio ao cenário, marcas e negócios se adaptam ao contexto digital, mas a atenção para o ponto físico (tão alinhado à experiência real) é urgente. Aliás, é dentro do negócio que o consumidor se conecta verdadeiramente com o brand experience – e a música tem tudo a ver com essa atmosfera. 

De acordo com a plataforma de pesquisa de tendências WGSN, até 2026 o excesso de estresse gerado por essa velocidade de vida moderna vai gerar uma espécie de burnout generalizado. Por isso, marcas e empresas devem mirar serviços, produtos e sobretudo experiências antídoto à ansiedade.

Gostou desse conteúdo? Siga a gente nas redes sociais!

FALA COM A GENTE

    enviar

    Faça parte da ONDA, a newsletter da Tecla Music, e fique por dentro do mundo da música: